• siteatlassociacao

Balões não tripulados voltam a causar problemas à aviação brasileira

A imagem pode conter: texto

Caros associados,

Nos últimos dias o tema perigo baloeiro voltou à pauta da imprensa nacional. Esse grave problema, preponderante para o rebaixamento do Brasil para a categoria “Black Star” da IFALPA (Federação Internacional das Associações de Pilotos de Linha Aérea), coloca em risco as operações aéreas no Brasil.


No último fim de semana, mais de dez balões ameaçaram a segurança de aeronaves nacionais e estrangeiras na aproximação final do Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. Em 2016, mais de 300 balões foram reportados às autoridades aeronáuticas brasileiras ― sem contar os inúmeros que não foram registrados oficialmente.

O SNA enviou um ofício à SAC, Anac, Decea, Cenipa, Ministério Público Federal, Polícia Federal, Secretárias de Segurança Pública de São Paulo e Rio de Janeiro, concessionárias de aeroportos e empresas aéreas alertando para o risco iminente de um acidente, ainda mais com a proximidade do carnaval.

O rebaixamento do espaço aéreo brasileiro pela IFALPA, em 2016, deu início a algumas ações preventivas, mas a velocidade das autoridades na realização de políticas efetivas de combate aos balões não é suficiente para evitar o crescimento do número de casos.

Com o intuito de contribuir para os trabalhos em torno de mitigar esse grave problema da aviação nacional, a ATT trabalha hoje em três frentes, com as seguintes entidades: CNPAA (Comitê Nacional de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos), SAC (Secretaria de Aviação Civil) e IFALPA.

Os pilotos podem ajudar a ATT e as entidades no levantamento de dados relativos à incidência desse problema. Para isso, basta reportar qualquer sinal de balão durante o voo. Apenas com essa inciativa as autoridades responsáveis terão base e informação para fazer um controle ainda mais efetivo.

Veja nos áudios do link a seguir, divulgados pelo website trafegoaereo.com.br, a perplexidade de pilotos estrangeiros e brasileiros ao avistarem balões em momentos críticos de voo: https://goo.gl/UJiQBX.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo