• siteatlassociacao

Reunião da CNFH debate atualizações no Fadigômetro e melhorias na metodologia de investigação da fad

No último dia 11 de abril, foi realizado um encontro da Comissão Nacional de Fadiga Humana – CNFH, na sede do SNA. Entre os assuntos em pauta estavam o andamento do projeto Fadigômetro, possíveis melhorias na metodologia de investigação da fadiga e a criação de um manual de orientações. A ATL foi representada pelo seu Analista de Segurança Operacional, Fabiano Paes.

Em relação ao Projeto Fadigômetro, o Cmte. Túlio Rodrigues (SNA) apresentou uma atualização de pontos importantes do trabalho, que inclui estatísticas gerais da amostra e efetividade mínima e área de perigo na fase crítica, ambas considerando dados coletados em janeiro, maio e julho de 2018. O próximo passo é apresentar os resultados parciais do Fadigômetro no 17º Congresso Nacional da Associação Nacional de Medicina do Trabalho, no próximo mês de maio.

 A fadiga no âmbito da manutenção e CTA também foi tema de discussão do encontro da CNFH. O debate conduzido pela Dra. Claudia Daemon (SRPV-SP/SDTP) enfatizou a importância de um melhor conhecimento da rotina de trabalho dos profissionais ligados ao controle de tráfego aéreo e manutenção de aeronaves. 

 A carga de trabalho, complexidade das funções, limites prescritivos e turnos de atuação também podem gerar fadiga e afetar diretamente a segurança das operações. Entre as ações sugeridas estavam um acompanhamento dessa rotina, avaliação de escalas, reportes voluntários e avaliação e percepção de fadiga.

 Melhora na metodologia e criação de manual para Investigação da Fadiga

 A Ten. Simone (CENIPA) propôs os seguintes itens que visam aperfeiçoar o processo de metodologia da investigação de fadiga: identificação de elementos sistemáticos e repetitivos; levantamentos estatísticos e análise de tendências; estreitamento da relação entre contexto operacional e acadêmico e conhecimento dos processos de gestão. A apresentação foi compartilhada para todos os participantes da CNFH.

 A CNFH colocou como meta a criação de um manual de orientações para nortear os investigadores quanto a questão da fadiga nas ocorrências aeronáuticas. O material já está sendo desenvolvido e revisado pelo Grupo de Trabalho.

 Participantes e agenda

 Além dos nomes já citados anteriormente, os seguintes representantes e suas instituições participaram do encontro:

 Adriana Mattos e Ten. Simone (CENIPA); André Frazao Helene (IBUSP); Alfredo Menquini (ABRAPAC); Caio Garcia e Philipe Pacheco (Azul); Eduardo Morteo e Mauro Matias(ASAGOL);Fernanda Cunha (SRPV-SP/CRCEA); André (LATAM); Dâmaris Campos (FSP-USP); Flavio Tsuyoshi (SBMA); Frida Fischer (FSP-USP); Janaina Guzzardi (Avianca); Juliana Maria Nogueira (SRPV-SP/DECEA); Maj. Guaraciaba (Exército Brasileiro); Mariana Lima (SNA); Nathalia e Paloma Oliveira (Vale); Raul de Souza (ABEAR) e Paulo Licati (Modern).

 A próxima reunião do CNFH foi agendada para 08 de agosto de 2019.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo